Movimento #Nem1praTrás debate desafios da educação durante o enfrentamento da pandemia de Covid-19

Iniciativa convoca sociedade para identificação de boas práticas de aprendizagem e reforça o alerta sobre desigualdades na educação.

MARCIONÍLIO SOUSA_FOS MATÉRIA CORREIO ANDREA LEMOS_FOTOS DILL SANTOS_2021 (55)
Registro da  matéria “Sem aulas presenciais, municípios da Chapada criam soluções para manter vínculo com aluno.
Por: Andrea Lemas. Foto: Dill Santos.

O movimento #Nem1praTrás criado por ocasião do Dia da Educação, celebrado em 28 de abril — tem como mote os desafios e aprendizados da educação em tempos de pandemia e ensino híbrido e online. O objetivo é trazer para o debate quase 200 instituições parceiras, professores, responsáveis e estudantes para que, juntos, compartilhem dados e práticas para busca de soluções de aprendizagem a partir de diferentes tecnologias disponíveis, não só da internet, para gerar oportunidades mais igualitárias de ensino em territórios tão diversos. Saiba mais:  www.diadaeducacao.org.

O Instituto Chapada de Educação e Pesquisa – Icep acredita que a atuação em rede de forma colaborativa é um dos caminhos possíveis para enfrentar e vencer os desafios vivenciados com o advento da pandemia do coronavírus. O Icep atua através da Tecnologia Social Territórios Colaborativos pela Educação, criada pelo Instituto há mais de 20 anos, em parceria com redes de educação e instituições privadas que acreditam no trabalho em colaboração para a promoção de uma educação pública de qualidade.

Neste período de distanciamento social devido à pandemia da covid-19, as ações de formação continuada e mobilização sociopolítica nos municípios continuaram acontecendo de forma remota e alguns municípios relatam boas práticas de aprendizagens que desenvolveram em suas redes. Alguns desses relatos foram descritos na matéria “Sem aulas presenciais, municípios da Chapada criam soluções para manter vínculo com alunos”, da jornalista Andrea Lemas, que retrata práticas de municípios que compõem o Arranjo de Desenvolvimento da Educação (ADE) Chapada Diamantina e Regiões, do qual o Icep é parceiro técnico na formação continuada de profissionais das redes. Leia a matéria completa: https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/sem-aulas-presenciais-municipios-da-chapada-criam-solucoes-para-manter-vinculo-com-alunos/?utm_source=correio24h&fbclid=IwAR3j5k5K36rBJWvR2vdWteYyPGK7zcEFmQy-XDmi5LDtlx-8ubN4oRaaeeY

Os municípios que compõem o ADE Agreste Litoral Norte também encontraram diversas formas de atuação para superar os desafios, manter o vínculo e garantir a aprendizagem mesmo nos contextos mais diversos. Os primeiros passos para a mudança desta realidade foram dados com a formação recebida pelos professores, por meio do projeto de Educação Continuada – idealizado e realizado em parceria com o Instituto Chapada de Educação e Pesquisa (Icep), pelo Bracell Social, que oferece orientação pedagógica para professores, coordenadores pedagógicos, gestores escolares e equipes técnicas pedagógicas  da rede pública no Litoral Norte e Agreste da Bahia, estimulando o desenvolvimento de crianças e o retorno de jovens e adultos à sala de aula. As escolas conseguiram atingir a totalidade das/dos estudantes e suas famílias usando diferentes estratégias como o envio de livros de literatura para as alunas e os alunos; envio de atividades impressas ou por intermédio de ferramentas como o WhatsApp  e mídias sociais dos municípios; entrega de bloco de atividades a cada semana ou quinzena, entre outros. Alguns relatos podem ser vistos no filme Bracell Social: professores baianos se reinventam e promovem educação à distância.

Assista: Filme Bracell Social: professores baianos se reinventam e promovem educação à distância.

BRACELL HERO FINAL CUT.00_06_54_16.Still010Foto/acervo: Bracell

“Cada município encontrou a sua forma de chegar em cada estudante e em cada família. Acredito que estas experiências foram possíveis porque eles deram continuidade às ações formativas, o que trouxe novos aprendizados e a troca de informações entre as redes”, explica a diretora Presidente e Pedagógica do Icep, Elisabete Monteiro. “Nas formações, quando a gente escuta um município, escuta outro, isso rende em nós outras ideias”, reitera a pedagoga Vailma Medeiros, supervisora da educação infantil na Secretaria de Educação do município de Seabra.

As redes do sul da Bahia, que participam do Plano Compromisso com a Educação Pública, implementado em Una e Uruçuca pelo Instituto Arapyaú, em parceria técnica com o Icep, também desenvolveram diversas práticas neste período. Uruçuca desenvolveu a experiência “Literatura e sua função Humanizadora”, que apostou na leitura de clássicos da literatura por alunos, professores e até mesmo as famílias na principal rádio da cidade. Em Una, fizeram diferença neste período as Tertúlias Dialógicas, também com clássicos da literatura nacional e internacional. Foram realizados vários encontros que envolveram desde professores, alunos e famílias até os funcionários de apoio das escolas (merendeira, porteiro e outros).

Veja mais no site do Instituto Arapyaú: https://arapyau.org.br/seminario-reune-experiencias-em-educacao-na-pandemia/

Em Uruçuca, o projeto Literatura Humanizadora levou professores, alunos e famílias à rádio local para a leitura. FOTO INSTITUTO ARAPYÁU_SITEEm Uruçuca, o projeto Literatura Humanizadora levou professores,
alunos e famílias à rádio local para a leitura. Foto: site Instituto Arapyaú

Sobre o movimento #Nem1praTrás
Criado em 2019, o movimento liderado pela Fundação Roberto Marinho, mobilizou as redes sociais naquele ano com as hashtags #Nem1praTrás, #DiadaEducacao e #Nem1semProfessor, alcançando mais de 120 milhões de pessoas e promovendo uma jornada nacional inspirada no lema “No one left behind”, dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável – ODS (ONU), em prol da adoção de políticas nacionais integradas, sendo uma delas a Educação de Qualidade.

Programação:
Em alusão ao Dia da Educação, comemora em 28 de abril, ao longo de todo o mês serão realizadas uma série de encontros virtuais e debates sobre o tema com as mais instituições parceiras. Mais informações e a lista completa de parceiros está disponível em www.diadaeducacao.org, onde estão também acesso ao serviços educativos como podcasts, vídeos, artigos, pesquisas, materiais de comunicação, guias educativos, reportagens e um calendário de lives e eventos digitais que ainda serão realizados com parceiros, estudantes e educadores. Acesse: www.diadaeducacao.org.

INFORMAÇÕES_CAMPANHA DIA DA EDUCAÇÃO 2021

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *